Carrinhos do Monte e Carreiros do Monte, indissociáveis

Subida no teleférico do Funchal, para uma descida vertiginosa nos célebres carros de cesto ou carrinhos do Monte na Madeira. Os carreiros do Monte e as emoções destas viagens.

Os Carros de Cesto da Madeira
Os Carros de Cesto da Madeira

Os carrinhos do Monte, também conhecidos por carros de cesto, são típicos da Madeira e atualmente descem desde a localidade do Monte até ao Funchal, sendo conduzidos por especialistas, os carreiros do Monte.

Os carrinhos do Monte surgiram em meados do século XIX. Antes de 1846 não há nenhuma referência a este meio de transporte, por parte dos visitantes da Madeira e, ao invés, referem a existência de pequenas “corsas” que são utilizadas para o transporte de pessoas.

As corsas e os corsões (corsas maiores) eram utilizadas no transporte de carga e construídas com dois madeiros fortes e paralelos, aos quais se uniam madeiros mais pequenos constituindo uma espécie de trenó, com cerca de 3 metros de comprimento e meio metro de largura.

Para que as corsas pudessem escorregar mais facilmente pelos caminhos, colocava-se sebo por onde elas passavam. Assim, as corsas deslizavam bem mas, para as pessoas tornava-se difícil andar em particular quando chovia, porque a rua ficava escorregadia.

No início do século XX usava-se o carro de bois, inspirado no carro do nordeste continental e da corsa madeirense, adaptada ao transporte de pessoas. Foi o meio de transporte coletivo mais utilizado no Funchal e nas fajãs.

Nas encostas mais escarpadas, não era possível o recurso a estes meios e os carros de arrasto, atualmente chamados carros de cesto, preparados com um assento para duas pessoas, tornaram-se os mais utilizados.

Século XIX Carros de Cesto
Século XIX Carros de Cesto

Estes “carros de cesto” são agora muito famosos e uma das grandes atrações turísticas da Ilha da Madeira. Como descem do Monte, os madeirenses chamam-lhes carrinhos do Monte. De produção artesanal, utilizam o vime para o cesto e a madeira para os patins. Atualmente os dois lugares sentados são almofadados, tornando mais confortável a descida vertiginosa, rua abaixo.

Os dois homens que conduzem os carros de cesto são os carreiros do Monte, que estão trajados da mesma forma que nos antigos carros de arrasto, com calça branca, bota chã e chapéu de palha, como é típico na Região. As botas que usam têm solas de borracha e funcionam como travões do carro.

Carreiros do Monte e os seus Carrinhos do Monte
Carreiros do Monte e os seus Carrinhos do Monte

A viagem alucinante entre o Monte e a localidade do Livramento, dura cerca de 10 minutos e percorre aproximadamente 2 km, chegando a atingir-se a velocidade de 80 km/hr.

Esta é uma viagem com momentos de grande emoção.

Podemos chegar ao Monte subindo no teleférico do Funchal, opção que recomendamos pois permite-nos apreciar toda a beleza deste anfiteatro natural.

Teleférico do Funchal a subir ao Monte
Teleférico do Funchal a subir ao Monte

Esta viagem no teleférico do Funchal é, por si só, uma atração a não perder.

 

 

Esperamos que tenha gostado.

Partilhe o artigo na sua rede social preferida.

Faça um comentário e não esqueça, junte-se à nossa rede de seguidores, registando o seu mail para ser notificado de novos artigos.

Também pode seguir o Pássaro no Ombro numa das redes sociais em que estamos presentes.


 

Siga-nos e faça um Like:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.