Exemplo de Plano de Negócios com Plano de Vendas em 5 passos

Como fazer um Plano de Negócios, iniciando pelo plano de vendas, com exemplo de plano de negócios e vários produtos é o que aqui faremos!

Na sequência do artigo anterior, tratamos agora de, como fazer um plano de negócios, começando por delinear o plano de vendas.

Empresário Consultor Plano de Vendas
Consultor para o Plano de Vendas

Exemplo de Plano de Negócios

Queremos abrir um restaurante e estamos a discutir o impacto das nossas ideias e estratégia, no plano de vendas.

1.Quantos produtos vendemos por dia

Neste exemplo de plano de negócios, podemos começar por analisar e discutir se, com o tamanho da sala, a capacidade da cozinha e o que sabemos da concorrência, poderemos fazer vendas de 25 refeições por dia, com o restaurante já em velocidade de cruzeiro.

Chegar a este valor não é tarefa fácil pois os mais arrojados dirão que vender 25 refeições por dia é pouco, pois só representam 50% da nossa capacidade máxima e outros, mais conservadores, dirão que não é nada fácil  atrair os clientes mesmo considerando esta taxa de ocupação.

Na verdade, nem uns nem outros saberão o que vai acontecer, mas este número de refeições por dia passa a ser então o ponto de partida para o plano de vendas.

É um princípio de plano de vendas. Se vendermos a 9 euros cada refeição, teremos por dia 25×9€=225€. Podemos pensar no volume médio de vendas diário, como se exemplifica, mas se quisermos, poderemos escolher outra forma de planear, semanal ou  mensalmente.

2.Qual o valor das vendas de cada produto

Vamos admitir que todos concordam que 9€ é um bom preço, atendendo à qualidade e à concorrência. No nosso exemplo de plano de negócios,  vamos vender todas as refeições a 9€ ou teremos pratos diferenciados e cada um deles com preços diferentes?

É uma discussão de estratégia que passa por saber quais os recursos que temos, materiais e humanos.

Ao fim de alguma discussão e tomadas decisões, poderemos chegar ao seguinte embrião de plano de vendas

Exemplo de plano de negócios. Vendas de Cada Produto
Exemplo de plano de negócios. Vendas de Cada Produto

Caso seja este o plano, já chegamos a um valor médio diário de vendas de 9,28€ ou seja 3% acima do que inicialmente tínhamos pensado.

3.Como fazer um Plano de Negócios – Preços com IVA ou sem IVA

Sabemos que os preços são com IVA (Imposto sobre Valor Acrescentado) e é o valor que o cliente paga. Mas o valor que “entra” para a empresa não é exactamente este.

Vejamos, então, o que fica na empresa e qual o imposto que temos de entregar ao Estado

Vendas com IVA Máximo
Vendas com IVA Máximo

Considerando o IVA a 23% para todos os produtos, significa que o cliente paga 9,28€ e para o restaurante ficam 7,54€. O resto é imposto que vai ser entregue ao Estado.

Mas, na realidade há alguns produtos em que o IVA é 23% mas outros têm IVA diferente.

Tratando-se de um plano de vendas, em discussão, para ajudar a definir a estratégia e como fazer um plano de negócios ou consideramos o IVA em 23%, em todos os produtos, ficando com as “contas algo inflacionadas” ou, então, vamos fazer um plano com detalhe colocando o IVA correto em cada artigo, o que poderá complicar o processo. Podemos, ainda, usar uma taxa de IVA média.

Para trabalharmos com uma taxa média, podemos recolher da concorrência alguns recibos de venda, juntamo-los e fazemos contas.

Vejamos este exemplo de plano de negócios, com o seguinte recibo

Prato de menu (que inclui um café), preço 9,00€, com IVA a 13% (1,04€) o que resulta num valor sem IVA de 7,96€

Taça de vinho com preço 0,90€, IVA a 23% (0,17€), valor sem IVA de 0,73€

Total com IVA 9,90€

Total IVA 1,21€

Total sem IVA 8,69€

IVA Médio 9,90€/8,69€ -1 = 0,139

Taxa de IVA média 13,9%

Exemplo de plano de negócios, com outro recibo

Menu do dia, 7,95€, inclui prato do dia, bebida e café

1 pratos do dia, 6,07€, IVA a 13% (0,70€), valor sem IVA de 5,37€

1 copo de vinho, 1,31€ , IVA a 23% (0,24€), valor sem IVA 1,07€

1 café, 0,57€, IVA a 13% (0,07€), valor sem IVA 0,50€

Taxa de IVA média, 7,95/6,94=14,6%

Qual deve ser a dimensão da amostra dos recibos, deixo consigo,  embora deva referir que uma amostra de 100 itens é uma amostra que dá resultados confiáveis. Estatisticamente, com uma amostra de 100 elementos, obtemos uma taxa de erro de cerca de 10%.

Vamos, por fim, considerar para as nossas “contas” que a taxa de IVA média é de 15%

Vendas com IVA Médio
Vendas com IVA Médio

Assim, em vez de ficar na empresa uma média por prato de 7,54€, fica 8,07€, cerca de 7% mais em relação ao que pensamos inicialmente. Esta diferença pode dar-nos uma maior margem ou pode permitir, dentro dessa margem, ter algum tipo de promoções e programas de fidelização. Mas este é um assunto para discutir mais tarde.

4.Outros produtos e serviços

Vamos continuar com a construção do plano de vendas, acrescentando as vendas de outros produtos, por exemplo bebidas, sobremesas e também o que estiver na ideia e na estratégia que foi pensada.

Exemplo de Plano de Negócios

Admitamos que além dos almoços vamos vender cafés, bebidas, pequenos almoços, sobremesas, jantares de grupo e jantares especiais à sexta e ao sábado. Ao domingo o restaurante encerra para descanso.

Juntamos estas ofertas aos preços médios, sem IVA, que pensamos serem ajustados e construímos a tabela que se segue com os valores de venda ou proveitos, como também se costuma dizer.

Vendas de vários Produtos
Vendas de vários Produtos

5.Ajustar e completar o plano de vendas

Neste exemplo de plano de negócios, falta saber quantos dias por ano vamos planear para as vendas de cada uma destas ofertas.

Admitamos que, depois de analisar os  valores e discutir o processo de como fazer um plano de negócios, chegamos a este plano de vendas anual

Como Fazer um Plano de Negócios. Plano de Vendas Ano Velocidade de Cruzeiro
Como Fazer um Plano de Negócios. Plano de Vendas Ano Velocidade de Cruzeiro

Neste plano de vendas temos o valor dos proveitos no final do ano e  consideramos o 2º ano de atividade como o ano de cruzeiro.

Se assim for, para o 1ºano, o do lançamento do negócio, poderemos planear vendas menores.

Nos anos seguintes, poderemos admitir que as vendas crescem com um valor um pouco acima, por exemplo, da taxa de crescimento da economia para Portugal. Mas deixaremos esta análise para próximo artigo.

Ficamos, assim, com a identificação dos passos a dar neste processo, como fazer um plano de negócios, começando pelo plano de vendas.

Siga o Pássaro no Ombro numa das redes sociais em que estamos.

Partilhe este artigo, na sua rede social preferida.

Faça um comentário e dê as sugestões que entender.

E não esqueça, junte-se à nossa rede de seguidores, registando o seu mail para ser notificado de novos artigos.


 

Presépios Originais na Ilha da Madeira

Visitar a Madeira no Natal para ver a Lapinha e tantos presépios originais que nos confortam e dão alento no final de mais um ano. Alguns presépios que encontrámos na Ilha da Madeira.

Presépios originais na Ilha da Madeira

Presépios na Ilha da Madeira
Presépios na Ilha da Madeira

No Natal a Ilha da Madeira transforma-se com presépios muito originais e de longa tradição, que nos surpreendem a cada momento, nas ruas e praças de todas as aldeias, vilas e cidades madeirenses. O ambiente vivido nos espaços públicos, plenos de luzes e cores é algo inesperado para os que vêm visitar a Madeira nesta altura, especialmente atraídos pela festa da passagem de ano e dos seus fogos de artifícios.

A “Festa”, como também é conhecida a quadra natalícia por terras da Ilha da Madeira, é uma celebração que o enquadramento e a beleza natural da própria região, de terreno muito verdejante e acidentado, com montes e vales, grutas e fajãs, tornam única.

Visitar a Madeira e celebrar a “Festa” que concilia a celebração cristã com a festa profana, desde a matança do porco, as danças populares, as canções e a música com o toque especial do pandeiro, da braguinha, do brinquinho, do acordeão, dos ferrinhos e castanholas, é um bálsamo para o corpo e para a alma.

Mas visitar a Madeira por estes dias é, também, descobrir em cada esquina presépios originais e a tradicional lapinha, fruto da criatividade e genuinidade das gentes madeirenses que, fora das suas casas, transmitem aos que os visitam o espírito de partilha e cooperação vivido entre todos, bem como as características peculiares de cada povoado.

Entre muitos presépios originais o mais emblemático da Ilha da Madeira, é a Lapinha que, entre muitas outras configurações se destaca uma com a figura do Menino Jesus rodeada das riquezas que a terra dá como laranjas, maçãs, nozes, vinho e azeite, viçosos fetos e coloridas flores, que muito bem ilustra o espírito natalício dos madeirenses, do seu apego à natureza  e à terra que lhes dá o sustento.

Alguns presépios que encontrámos ao visitar a Ilha da Madeira nesta quadra

 

Presépios na Calheta

Presépio na Calheta
Presépio na Calheta
Presépio na Calheta
Presépio na Calheta

Presépio na Camacha

Presépios Originais. Camacha
Presépios Originais. Camacha

Lapinha e Presépio no Curral das Freiras

Lapinha no Curral das Freiras
Lapinha no Curral das Freiras
Presépio no Curral das Freiras
Presépio no Curral das Freiras
Presépio no Curral das Freiras
Presépio no Curral das Freiras
Presépio Curral das Freiras
Presépio Curral das Freiras
Presépio no Curral das Freiras
Presépio no Curral das Freiras

Presépio em Santana

Visitar a Madeira e Presépio de Santana
Visitar a Madeira e Presépio de Santana

Presépios no Funchal

Presépio no Funchal
Presépio no Funchal
Presépio no Funchal
Presépio no Funchal
Presépio no Funchal
Presépio no Funchal
Presépio no Funchal
Presépio no Funchal

Presépio na Ponta do Sol

Presépio em Ponta do Sol
Presépio em Ponta do Sol
Presépio Pólo Norte na Ponta do Sol
Presépio Pólo Norte na Ponta do Sol

 

Esperamos que tenha gostado.

Partilhe o artigo na sua rede social preferida.

Faça um comentário e não esqueça, junte-se à nossa rede de seguidores, registando o seu mail para ser notificado de novos artigos.

Também pode seguir o Pássaro no Ombro numa das redes sociais em que estamos presentes.


 

4 coisas a fazer no Parque Natural da Ria Formosa

Viagem de Barco pelo Parque Natural da Ria Formosa, Praia da Terra Estreita e uma bela cataplana na margem do Rio Gilão

Após o circuito no Douro  vamos a um passeio de barco pelo Parque Natural da Ria Formosa. Tendo como ponto de partida o Arraial Ferreira Neto, é bela a paisagem que nos enquadra, antes de mergulhar na Praia da Terra Estreita. Uma cataplana na margem do Rio Gilão finaliza o dia.

Passeio de Barco na Ria Formosa
Passeio de Barco na Ria Formosa

Continue reading “4 coisas a fazer no Parque Natural da Ria Formosa”

5 pontos a considerar no Plano de Negócios

Fazer um plano de negócios objetivo, com um exemplo de plano de negócios, custos fixos e custo de produção, investimento é o que aqui faremos!

Uma vez definido o Modelo de Negócio vamos começar a “fazer contas”, como costuma dizer-se e delinear o Plano de Negócios.

Discussão para um plano de negócios objetivo
Discussão para um plano de negócios objetivo

1.Finalidade do Plano de Negócios

Após ter uma ideia sobre o negócio que pretendemos criar, usando os resultados do Modelo de Negócio, precisamos de sistematizar todas as ideias e quantificar as vendas, nas suas várias vertentes, os custos fixos, o custo de produção e as necessidades de financiamento.

Continue reading “5 pontos a considerar no Plano de Negócios”

Recomendações no Linkedin, para um Perfil mais credível

Saber como ter um bom curriculo e pedir recomendações no Linkedin. Mostramos como fazer o pedido dessa carta de recomendação profissional. Assim, pode obter um bom perfil profissional, mais credível.

Como ter um bom curriculo, a importância das recomendações

O perfil profissional que se apresenta no Linkedin é feito pela própria pessoa que, em alguns casos, pode não ser o mais adequado no que respeita às competências e à experiência profissional apresentadas.

Como ter um bom curriculum. Perfil Pedro Fidalgo
Perfil Pedro Fidalgo

As recomendações visam complementar as referências de um curriculum vitae e são um testemunho feito por outra pessoa, normalmente alguém que lhe conhece o respetivo percurso profissional. Traduzem-se numa validação de competências não só as técnicas mas, sobretudo, as competências pessoais. Funcionam como uma carta de recomendação profissional e contribuem para a construção de um bom perfil profissional no Linkedin e como ter um bom curriculo.

Continue reading “Recomendações no Linkedin, para um Perfil mais credível”

Parque e Palácio de Monserrate, Sintra

Parque e Palácio de Monserrate em Sintra, uma visita plena de romantismo. Sir Francis Cook e os jardins dos cinco continentes contam histórias. Deslumbrante!

A Capela de Monserrate

Diz a lenda de Monserrate que um moçárabe morreu a combater um árabe, provavelmente o Alcaide, senhor dessas terras. Nesse local seria sepultado e erguido um pequeno Santuário que o tempo fez ruir.

E, para relembrar esta memória lendária, foi erguida pelo Padre Gaspar Preto, em 1540, uma Capela a Nossa Senhora de Monserrate.

Em 1718 D. Caetano de Melo e Castro, Vice-Rei da India, adquire essas terras, as quais irão ser mantidas por caseiros, já que o Vice-Rei e família estão em Goa.

Na sequência do terramoto de 1755 as casas ficam muito afetadas, tornando-as praticamente inabitáveis e ficando, assim, esta propriedade ao abandono.

Em 1790 a neta de D. Caetano que ainda vivia em Goa, alugou a propriedade de Monserrate a Gérard DeVisme, um inglês negociante de madeira. Embora este não fosse seu dono, nela constrói um castelo do tipo medieval.

Palácio de Monserrate
Palácio de Monserrate

O Castelo Medieval de Monserrate

Continue reading “Parque e Palácio de Monserrate, Sintra”

Museu Anjos Teixeira, Sintra

O Museu Anjos Teixeira, inaugurado pela Câmara de Sintra, mostra obras de dois grandes escultores portugueses, pai e filho. Artur e Pedro Anjos, apresentam temas desde a anatomia humana e animal, o trabalho, a liberdade e figuras históricas e religiosas.

O Museu Anjos Teixeira

Museu Anjos Teixeira, inicialmente da Câmara de Sintra
Museu Anjos Teixeira

 

É um Museu pouco conhecido, inaugurado pela Câmara de Sintra em 1976 e que aloja as obras de dois grandes escultores portugueses.

Passamos por ele e não prestamos atenção à placa que o sinaliza.

O Museu Anjos Teixeira, ocupa uma antiga azenha que aproveitava o caudal do Rio do Porto que por ali passava.

A Câmara de Sintra após outras utilizações deste espaço, transformou-o em Museu para receber as obras doadas pelos escultores portugueses, Artur Anjos Teixeira e Pedro Anjos Teixeira, pai e filho.

Continue reading “Museu Anjos Teixeira, Sintra”

Um dia com os Templários

A Ordem dos Templários ou Ordem do Templo e a Ordem na Europa e em Portugal. A sua ligação aos Descobrimentos e o cerco ao Castelo dos Templários em 1190.

Breve História da Ordem dos Templários

Cavaleiro Templário, da Ordem do Templo ou Ordem dos Templários. Os Templários.
Cavaleiro Templário

A Ordem dos Templários é fundada em 1118, por Hugo de Payens e mais 8 cavaleiros, com o apoio do Rei Balduíno II de Jerusalém, após a Primeira Cruzada de 1096. O objectivo era o de proteger, quer os peregrinos que se dirigiam para Jerusalém, muitas vezes vítimas de assaltos de ladrões, quer os Reinos Cristãos da Terra Santa, entretanto estabelecidos no Oriente, dos ataques dos muçulmanos.

Continue reading “Um dia com os Templários”

Petiscos Caseiros na Marialfarroba, à sexta-feira

Petiscos caseiros é na Marialfarroba. Bons petiscos tradicionais, e não só, para degustar com amigos e família ao fim da tarde. Até sexta!

Balcão da Marialfarroba
Marialfarroba

Os petiscos caseiros são uma inovação na Marialfarroba.

Entrada da Marialfarroba
Entrada da Marialfarroba

Os petiscos caseiros acontecem à sexta-feira mas podem, também, ser combinados para um grupo de amigos, com antecedência e para qualquer dia da semana.

Continue reading “Petiscos Caseiros na Marialfarroba, à sexta-feira”

Viagem à Serra da Estrela para recuperar energias

Relaxar e retemperar energias num ambiente natural, com ar puro e fresco. O encanto da Serra da Estrela e a história do antigo Sanatório das Penhas da Saúde.

Uma viagem à Serra da Estrela para refrescar ideias e relaxar na Pousada da Serra da Estrela.

A Pousada foi, em tempos, um sanatório para tratamento da tuberculose quando da doença padeciam os funcionários dos Caminhos de Ferro Portugueses – o Sanatório dos Ferroviários.

Viagem à Serra da Estrela. Vista da Pousada.
Vista da Pousada.

A Criação do Sanatório das Penhas da Saúde, na Serra da Estrela

Continue reading “Viagem à Serra da Estrela para recuperar energias”